Leia mais

Para ler o que foi publicado aqui (antes e/ou depois) sobre o assunto de um artigo , clique num dos marcadores ao final dele. Veja ao final desta tela, uma lista dos artigos mais populares.

26 abril, 2007

Prefeitura Acaba com a Comissão de Projetos Culturais - 2

Para a história
Iris Rezende Machado foi cassado pela ditadura militar em 1969. Em 1982, foi eleito governador nas primeiras eleições diretas da redemocratização. Vinte e cinco anos depois, cassou a participação da sociedade na gestão dos recursos da Lei Municipal de Incentivo à Cultura (leia o texto anterior).
O discurso e a prática
A medida, junto às demais adotadas pela Prefeitura de Goiânia na polêmica envolvendo a Lei Municipal de Incentivo à Cultura, mostra uma contradição absoluta com o que anunciou o prefeito em seu discurso de posse:
...
A nossa meta é de fato ambiciosa: fazer de Goiânia uma referência nacional em cidadania em dignidade para seu povo, em padrão administrativo racional e eficiente, em exemplo de urbanismo, em expressão de beleza e de vida.
...
Nesta maratona, mais do que nunca exerceremos um elevaod [sic] padrão de relacionamento democrático com a Câmara Municipal de Goiânia. Seremos não apenas diplomáticos, mas absolutamente abertos à convivência harmoniosa, propositiva e construtiva com todos os vereadores que compôem [sic]aquela casa de leis, independente de partidos e posicionamentos ideológicos.

No decorrer de minha vida, mais do que ninguém procurei exercer este sentido de estadista tão fundamental para o correto e próspero desempenho de relevantes atividades públicas. Um líder que se deixa levar pelas veleidades de suas paixões e emoções não vai a lugar nenhum. Antes, perde-se pela própria mediocridade das atitudes desprovidas da imprescindível nobreza que deve guiar todos os que realmente almejem a obra excelente e a riqueza contida nas virtudes e na dignidade.

Assim, este comportamento democrático e de elevado padrão naturalmente também irá prevalescer [sic] no relacionamento com todos os poderes e instituições, a quem destinaremos o melhor de nosso diálogo, sempre abertos a conversações e a iniciativas que possam resultar em avanços para a nossa cidade.
...
Presente se fará também a importante participação dos vereadores, dos setores organizados da sociedade, das associações de moradores, das diversas instituições que dão vida à cidade, e convocando os demais poderes para que somem forças ao nosso lado, num grande mutirão de trabalho por uma Goiânia mais progressista e, sobretudo, mais justa!

...
Mas queremos, acima de tudo, que a população de Goiânia seja nossa grande e inseparável parceira!

Tudo o que realizarmos pretendemos seja obra e vontade de todos, numa grande ação coletiva que solidifique um governo municipal baseado no dar as mãos, na soma de esforços, na junção de propósitos, na unidade em prol de causas dignas.

Um comentário:

  1. Pois é ...Com esse discurso o Prefeito poderia ser secretário de Cidadania, mas, o vício do cachimbo entorta o beiço, e não tem discurso que supere a velha prática coronelista da província goiana.

    ResponderExcluir