Leia mais

Para ler o que foi publicado aqui (antes e/ou depois) sobre o assunto de um artigo , clique num dos marcadores ao final dele. Veja ao final desta tela, uma lista dos artigos mais populares.

28 setembro, 2006

Recordar é viver - 2 - Um ano atrás

Hoje terminou o horário eleitoral. Todos falando em ética, respeito ao cidadão, e por aí vai. Tudo o que as pesquisas determinarem que o telespectador quer ouvir.
Aqui, no mundo real, das atitudes e não dos discursos, hoje completa-se um ano da manifestação "Não saque nosso FAC", que levou artistas e pessoas ligadas à cultura à frente da SECULT e em seguida, em carreata, até a sede do Ministério Público, para protestar contra as alterações na regulamentação do Fundo de Apoio à Cultura, que, conforme o então Conselho Municipal de Cultura, em carta aberta, deram " ao Secretário, anti-eticamente, o poder de aprovar, tautologicamente, o que propõe".
A manifestação pretendia chamar a atenção para e agilizar a tramitação da ação popular proposta no mês anterior para anular a mudança. Anteriormente o Conselho Municipal de Cultura já obrigara o Secretário Municipal de Cultura a cancelar a aprovação do projeto do catálogo do Salão de Arte do Flamboyant Shopping Center, o mesmo que acaba de ser aprovado novamente (leia mais aqui).
No momento, a ação encontra-se em fase final de tramitação. Falta apenas o Dr. Eduardo Siade, juiz da 1ª Vara da Fazenda Pública Municipal, encaminhar o processo para o parecer do Ministério Público ( que normalmente leva uma semana para fazer isso) , para que possa proferir sua sentença.
Enquanto isso, mesmo a legislação mantida segue sendo desobedecida:
- os recursos deveriam ser distribuídos através de editais, e não se tem notícias deles;
- o decreto de alteração é de junho de 2005, mas a prefeitura informou ao vereador Elias Vaz ter pago eventos realizados a partir de maio com recursos do FAC;

Nenhum comentário:

Postar um comentário