Leia mais

Para ler o que foi publicado aqui (antes e/ou depois) sobre o assunto de um artigo , clique num dos marcadores ao final dele. Veja ao final desta tela, uma lista dos artigos mais populares.

28 maio, 2009

Agência Municipal de Trânsito realiza concurso - Uma notícia incompleta -2 - Demitido agente que denunciou "quebra" de multas

No artigo anterior neste tema, comentei sobre o trágico episódio em que o jovem Pedro Henrique Queiroz foi baleado por um policial militar, a serviço da então SMT, ocorrido em 7 de setembro do ano passado.

Pouco antes, no dia 3, os jornais haviam noticiado o indiciamento do então superintendente da SMT, Paulo Afonso Sanches, de seu chefe de gabinete e da chefe da Divisão de Processamento de Multas por improbidade.

O indiciamento era resultado de investigação que fora iniciada em fins de julho e prorrogada em agosto.

O inquérito policial fora desencadeado por denúncia apresentada pelo agente de trânsito Nilson Domingues, juntamente com documentos comprobatórios. No início do escândalo, o superintendente desqualificara o denunciante, alegando que "Nilson é o único agente municipal de trânsito que recebeu penalidade de suspensão por má conduta após sindicância na SMT" além de ter sido " investigado internamente sete vezes em cinco anos".

Pois Deolinda Taveira informa que a demissão de Nilson foi publicada no Diário Oficial do último dia 5.

Sem entrar no mérito das afirmações, dando uma rápida olhada no arquivo das edições do Diário Oficial, uma curiosidade: um mês após o indiciamento, em 7 de outubro, o então superintendente nomeou comissão de sindicância, com três membros, para apurar a conduta irregular do agente.

No entanto, dez dias depois, a nomeação foi revogada e outra comissão foi constituída, mudando dois membros em relação à original:






Diário oficial de 7 de outubro de 2008.







Diário oficial de 20 de outubro de 2008.

Nenhum comentário:

Postar um comentário