Leia mais

Para ler o que foi publicado aqui (antes e/ou depois) sobre o assunto de um artigo , clique num dos marcadores ao final dele. Veja ao final desta tela, uma lista dos artigos mais populares.

23 agosto, 2006

A lista da Agepel em questão - 2

No comentário anterior ( A lista da Agepel em questão - 1) mostrei, a partir dos valores dos cachês pagos na VII edição do FICA (2005), a enorme discrepância entre os pagamentos feitos aos artistas. Com isso, a lista divulgada pela Agepel, ao não individualizar cada contratação, com valores e condições, não tem muita serventia para uma análise das contratações feitas pela agência.
Não bastasse isso, a restrição é ainda maior porque há variações nos valores dos pagamentos feitos a um mesmo artista, em diferentes edições do mesmo evento. É o que ocorreu na VIII edição do FICA, deste ano.
De forma geral, houve um crescimento de 37, 5% no número de shows, que passaram de 24 para 33. Destes, 10 haviam sido apresentados também em 2005 : dentre eles, dois artistas receberam o mesmo e os outro oito tiveram redução nos cachês pagos, que variou de 17% a 73%, como mostra a tabela:
Artista - Cachê 2005 - Cachê 2006 - redução
Maíra - 7.500 - 2.000 - 73%
Gustavo Veiga - 4.500 - 2.000 - 54%
Laércio Correntina - 3.500 - 2.000 - 43%
Marcelo Barra - 7.000 - 5.000 - 29%
Nila Branco - 6.000 - 5.000 - 17%
Nilton Pinto e Tom Carvalho - 6.000 - 5.000 - 17%
Mr. Gyn - 6.000 - 5.000 - 17%
Juraíldes da Cruz - 5.200 - 5.000 - 4%
Casa Bizantina - 5.000 - 5.000 - 0%
Valéria Costa - 5.000 - 5.000 - 0%
A redução ocorrida nos cachês dos artistas não se verificou nos dos apresentadores. Pelo contrário, houve um aumento significativo: no VII FICA, foram gastos R$ 13.200 para pagamento dos apresentadores José Luiz e André Pimenta, junto com Guido Campos Correa e Leandra Leon (o Diário Oficial não especifica os valores individuais) ; no VIII FICA, José Luiz e André Pimenta receberam sozinhos R$ 15.000.
Um outro aspecto curioso nos cachês pagos no VIII FICA é ver que Francisco Aafa, artista indicado pela própria Agepel para representar Goiás no Projeto Pixinguinha, em 2004/2005, e os dois espetáculos teatrais, um deles com Cida Mendes, artista de projeção nacional, estão entre os oito que receberam o piso de R$2.000.
Abaixo, a relação completa dos cachês pagos a artistas locais no VIII FICA ( não encontrei no Diário Oficial o cachê do show nacional):
Show Valor
Mulheres de Chico- 10.000
Hamilton Carneiro- 9.000
Nilton Pinto e T. Carvalho- 5.000
Marcelo Barra - 5.000
Banda Emídio Queiroz - 5.000
Walter Mustafé- 5.000
Henrique - 5.000
Tonzera - 5.000
Rafael Greyck - 5.000
Mr Gyn - 5.000
Valéria Costa - 5.000
Grupo Essência - 5.000
João Caetano - 5.000
Marcelo Maia - 5.000
Juraíldes da Cruz - 5.000
Banda Brasa - 5.000
Pádua - 5.000
BAnda Guetsu - 5.000
Casa Bizantina - 5.000
Nila Branco - 5.000
Marco Antonini - 5.000
Grace Carvalho - 4.000
Francisco Aafa - 2.000
Luís Chaffin e Pedro Braga - 2.000
Maíra - 2.000
Gustavo Veiga - 2.000
Forró Agarradinho - 2.000
Tom Chris - 2.000
Marcos Caiado- 2.000
Cida Mendes - 2.000
Adriana Veloso e D. Bombinha- 2.000

Nenhum comentário:

Postar um comentário