Leia mais

Para ler o que foi publicado aqui (antes e/ou depois) sobre o assunto de um artigo , clique num dos marcadores ao final dele. Veja ao final desta tela, uma lista dos artigos mais populares.

26 junho, 2006

Escritor Luiz Aquino causa mudança do prefeito Iris Rezende

Na semana passada, O Popular noticiou solitariamente a anulação da III Conferência Municipal de Cultura pelo juiz da 2ª Vara da Fazenda Pública Municipal, Dr. Fabiano A. de Aragão Fernandes, mas a notícia teve desdobramentos interessantes.

Na quinta-feira, dia 22, O Popular publicou matéria a respeito, no Magazine, ao lado de uma outra, de mesmas dimensões, sobre a programação do Centro Cultural Goiânia Ouro, inaugurado na véspera. Na sexta-feira, dia 23, em sua coluna social, ao lado da foto de Íris Rezende e Kleber Adorno, na inauguração, a nota Saia justa registrou o protesto de uma moça, que voluntariamente ocupou o palco da cerimônia e leu o manifesto que era distribuído pelo Fórum Permanente de Cultura, comunicando a decisão judicial. No sábado, todas as quatro fotos da coluna eram de pessoas presentes à cerimônia de inauguração.

No Diário da Manhã o assunto só apareceu no domingo, na coluna semanal de Luiz de Aquino, intitulada Copas, Conselho e Cultura, que considerou uma “vergonha” para a prefeitura de Goiânia a anulação da conferência, fruto da volta “do mau hábito do tempo do arbítrio de fazer as coisas sob o interesse dos que detém o mando e, obviamente, à revelia da Lei”, conclamando a volta do “respeito às leis e à ética”. Na mesma edição, coincidentemente, o jornal publicou artigo do prefeito Íris Rezende, Um espaço democrático para a cultura, sobre a criação do Goiânia Ouro.
Aparentemente, esse seria o artigo que o prefeito publicaria no sábado, dia de suas contribuições semanais ao jornal. Com o deslocamento do artigo de Íris, na edição de sábado saíram duas colunas de Jávier Godinho, uma no DM Revista e outra no primeiro caderno, como registrou o índice da editoria de Opinião.

Nenhum comentário:

Postar um comentário